GOOGLE_ANALYTICS
100%

Em audiência pública, neovenezianos se posicionam contra o tráfego de caminhões pesados pelo município

Em audiência pública, neovenezianos se posicionam contra o tráfego de caminhões pesados pelo município Empresa que se instalará em Siderópolis pretende transitar com caminhões pelo perímetro urbano de Nova Veneza
A audiência pública para tratar do tráfego de caminhões pesados por Nova Veneza, principalmente nos bairros Eliza e Bortolotto, devido a instalação de uma empresa de britagem em Siderópolis, lotou a Casa Legislativa na noite desta terça-feira, dia 25.
 
No início de setembro, no dia 4, uma reunião foi realizada entre os vereadores, representantes do executivo e polícia militar, para avaliar o requerimento enviado pela empresa Colombo Retroterra, que detalha os locais por onde os caminhões da empresa trafegariam por Nova Veneza. Nesta reunião ficou definido o agendamento de uma audiência pública para que a população pudesse também participar desta decisão.
 
A audiência pública foi realizada após o término da sessão ordinária desta terça-feira, e contou com a participação do prefeito municipal Rogério Frigo, vice prefeito, Zé Spillere, secretário de planejamento e urbanismo, Lodejane Zanoni, procurador de Nova Veneza, Ricardo de Souza Mello, comandante do destacamento da Polícia Militar de Nova Veneza, Andrei Claudio Teixeira, presidente da Câmara de Vereadores, Eloir Minatto, o Biro Biro, vereadores em exercício, licenciados e suplentes, lideranças de bairros, população neoveneziana e visitantes.
 
Para o presidente da Câmara de Vereadores, Eloir Minatto, o Biro Biro, a realização desta audiência pública é muito importante. “Nós temos que ouvir a população. A empresa também pode se manifestar se quiser. Todos têm o direito de usar a palavra. Assim vamos tomar uma decisão, fazer os encaminhamentos que forem melhor para o município. A cidade tem que se desenvolver, mas isso tem que ser discutido junto com a população, com as pessoas que talvez serão um pouco mais afetadas”, disse o presidente no início da solenidade da audiência.
 
O prefeito Rogério Frigo também se manifestou afirmando que fez questão da realização da audiência pública para ouvir a comunidade. “A decisão vai caber a população. Vocês vão ter o direito de se manifestar, então não temam, não tenham vergonha, porque depois da decisão não adianta nós reclamarmos. Nós não somos contra o desenvolvimento, mas essa empresa que vai praticar esse trabalho, ela vai estar instalada no município de Siderópolis, nosso vizinho. Pode ser que seja contratado um funcionário de Nova Veneza, ou de Criciúma, e de Siderópolis, isso é ótimo, geração de emprego, mas os impostos eles não vão vir nada para Nova Veneza, nenhum centavo", comentou o prefeito municipal.
 
Mediante a inscrição durante a audiência, cada pessoa teve três minutos para fazer uma manifestação sobre o assunto debatido. A maioria dos comentários foram feitos pelos moradores de Nova Veneza, que se posicionaram contra ao tráfego dos caminhões, preocupados com os danos nas ruas, das residências e com a segurança das pessoas. Apenas uma das manifestações públicas, foi realizada por um visitante, morador de Criciúma, que alegou não ver problema no tráfego dos caminhões, desde que a empresa se comprometa com os estragos das vias e demais danos.

O neoveneziano Evandro Boaroli, é um dos que também não concorda com o tráfego dos caminhões, pelo menos não pela rota que a empresa está apresentando, e lembrou de um fato que a população foi extremamente necessária para uma decisão tão importante quanto esta. “Nós não devemos aceitar de forma alguma essa passagem dos caminhões. Em 1997, Nova Veneza brigou muito para que não se instalasse uma mina de carvão em Nova Veneza, e graças a esse povo, nós conseguimos que essa mina não fosse instalada aqui, porque era outra situação que ia trazer o caos para Nova Veneza. Então, nós temos que pensar muito bem. Não é que não queremos que a empresa se instale lá, só queremos que achem um caminho que não atrapalhe a beleza de Nova Veneza”, pontuou Boaroli.
 
Após todas as pessoas inscritas falarem, foi aberto também o espaço para que a empresa se pronunciasse. Na oportunidade, Nei Colombo, integrante da diretoria da Colombo Retroterra, fez uso da palavra iniciando seu discurso agradecendo a participação da comunidade. “Eu entendo tudo que a população está colocando, e nós procuramos fazer as coisas com muita seriedade. Já levamos inclusive alguns representantes ali na unidade. Garanto aos senhores que é uma unidade diferente de todas do Sul do Brasil. Nós assumimos o compromisso de respeitar o peso. Eu garanto que vamos  respeitar o Código de Trânsito Brasileiro como sempre o fizemos. Infelizmente nós não temos outro acesso para passar, esse é o único que nós temos e infelizmente nós não temos um plano B. Desde o começo de todos os estudos, nós fizemos um estudo viário da implantação da unidade, e infelizmente essa é a única alternativa que nós temos hoje”, relatou Colombo.


 
 

Notícias

Três vereadores suplentes assumiram vagas na Casa Legislativa
Três vereadores suplentes assumiram vagas na Casa Legislativa

Durante o período de licença das atividades da Casa Legislativa de Nova Veneza dos vereadores Eloir Minatto, o Biro Biro (PSD) Aroldo Frigo Junior (PSDB) e Carlos Eduardo Ghislandi, o Dado (MDB), três vereadores suplentes assumiram as vagas na Câmara de Vereadores: Milton Somariva (PSDB), Samuel Amboni Milanez (PP – MDB) e Rodrigo Vitalli Spillere, o Didi (PSD).

Cinco indicações são aprovadas na 34ª sessão ordinária do ano em Nova Veneza
Cinco indicações são aprovadas na 34ª sessão ordinária do ano em Nova Veneza

Na sessão ordinária desta terça-feira, dia 16, na Casa Legislativa de Nova Veneza, cinco indicações foram aprovadas por unanimidade. Três das proposições tiveram autoria do vereador Claiton Zanzi (MDB), uma do legislador Samuel Amboni Milanez (PP- MDB) e uma do atual presidente em exercício da Câmara de Vereadores, Arlindo da Silva (PSDB).

Três indicações são aprovadas por unanimidade durante sessão ordinária
Três indicações são aprovadas por unanimidade durante sessão ordinária

Três proposições foram apreciadas e votadas pelos vereadores da Casa Legislativa de Nova Veneza, na noite desta terça-feira, dia 9, durante a sessão ordinária. Por meio de indicações os vereadores Claiton Zanzi (MDB), Aroldo Frigo Junior(PSDB) e Samuel Amboni Milanez (PP – MDB) fizeram solicitações ao poder Executivo de modo a serem atendidas pelas secretarias competentes do município. 

Biro Biro assumirá prefeitura de Nova Veneza em novembro
 Biro Biro assumirá prefeitura de Nova Veneza em novembro

O presidente da Câmara de Vereadores Eloir Minatto, o Biro Biro (PSD) a partir desta quarta-feira, dia 10, está licenciado do cargo na Casa Legislativa do município, por 30 dias. No entanto, Biro Biro frisou que está se licenciando da Casa, mas não dos compromissos com Nova Veneza. Ele garante que vai continuar acompanhando e se colocou a disposição para o que for necessário. Após o término do período de licença, Biro Biro assume a prefeitura de Nova Veneza por 15 dias no mês de novembro.

Trabalho da Apae é evidenciado na Câmara de Vereadores de Nova Veneza
Trabalho da Apae é evidenciado na Câmara de Vereadores de Nova Veneza

Atendendo ao requerimento de autoria do presidente da Câmara de Vereadores de Nova Veneza, Eloir Minatto, o Biro Biro, (PSD) a presidente da Associação de Pais e Amigos Excepcionais, Apae de Nova Veneza,  Nórdia Nazari, esteve na Casa Legislativa na noite desta terça-feira, dia 2. “É um momento muito especial para nós, pois nos oportuniza a mostrar à toda comunidade neoveneziana o compromisso que temos em atender com dignidade as pessoas do nosso município, seus familiares, pessoas com deficiência intelectual e múltipla”, disse a presidente da  Apae de Nova Veneza,  Nórdia Nazari.

Samuel Amboni Milanez volta a legislar na Câmara de Vereadores de Nova Veneza
Samuel Amboni Milanez volta a legislar na Câmara de Vereadores de Nova Veneza

O mês de outubro começou com alterações na Casa Legislativa de Nova Veneza. Pela segunda vez, o vereador suplente Samuel Amboni Milanez, também conhecido como bigode, integra a Câmara de Vereadores do município e participa das atividades na Casa.Em junho de 2017, Milanez assumiu durante 1 mês a vaga do vereador Edgar Preis (PP), este ano ele volta a legislar ocupando a cadeira do vereador licenciado Carlos Eduardo Ghislandi (MDB).

Apae de Nova Veneza é convidada para participar de sessão ordinária na Casa Legislativa
Apae de Nova Veneza é convidada para participar de sessão ordinária na Casa Legislativa

Durante a sessão ordinária desta terça-feira, dia 25, um requerimento de autoria do presidente da Câmara de Vereadores, Eloir Minatto, o Biro Biro (PSD) foi aprovado por unanimidade pelos parlamentares. O requerimento tem a finalidade de convidar a presidente da Associação de Pais e Amigos Excepcionais, Apae de Nova Veneza,  Nórdia Nazari, ou o setor responsável, para comparecer na Casa Legislativa durante sessão ordinária. O convite é para que seja explanado aos vereadores e a população as atividades desenvolvidas pela entidade.

Em audiência pública, neovenezianos se posicionam contra o tráfego de caminhões pesados pelo município
Em audiência pública, neovenezianos se posicionam contra o tráfego de caminhões pesados pelo município

A audiência pública para tratar do tráfego de caminhões pesados por Nova Veneza, principalmente nos bairros Eliza e Bortolotto, devido a instalação de uma empresa de britagem em Siderópolis, lotou a Casa Legislativa na noite desta terça-feira, dia 25. No início de setembro, no dia 4, uma reunião foi realizada entre os vereadores, representantes do executivo e polícia militar, para avaliar o requerimento enviado pela empresa Colombo Retroterra, que detalha os locais por onde os caminhões da empresa trafegariam por Nova Veneza. Nesta reunião ficou definido o agendamento de uma audiência pública para que a população pudesse também participar desta decisão.
 

Vereadores visitam Apae de Nova Veneza
Vereadores visitam Apae de Nova Veneza

Sabendo da importância e das necessidades da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Nova Veneza (Apae) em manter as atividades, no final da tarde desta quinta-feira, dia 21/9, alguns vereadores da Casa Legislativa do município estiveram reunidos na sede da instituição, que fica localizada no Bairro Bortolotto.

Legislativo aprova indicações para melhorias em Nova Veneza
Legislativo aprova indicações para melhorias em Nova Veneza

Reunidos para mais uma sessão ordinária na Casa Legislativa de Nova Veneza, os vereadores aprovaram por unanimidade nesta terça-feira, dia 18, quatro indicações. Duas das proposições foram de autoria do vereador Edaltro Luiz Bortolotto (PSDB) e duas da legisladora Elisabete Tereza Bortolotto (PP).

Audiência Pública na Câmara de Vereadores vai debater sobre a circulação de caminhões pesados pelo perímetro urbano de Nova Veneza
Audiência Pública na Câmara de Vereadores vai debater sobre a circulação de caminhões pesados pelo perímetro urbano de Nova Veneza

Com o desejo de uma empresa em iniciar atividades de mineração na cidade de Siderópolis, cidade vizinha de Nova Veneza, o poder Executivo e Legislativo neoveneziano convocou uma Audiência Pública para o dia 25 de setembro, para debater com toda população sobre a circulação diária de mais de 50 caminhões pesados por Nova Veneza, que as futuras atividades acarretarão.